Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mari Malho Makeup

Espaço onde partilho tudo sobre maquilhagem e beleza

Mari Malho Makeup

Espaço onde partilho tudo sobre maquilhagem e beleza

A saga do meu vestido de noiva

Olá queridas e queridos, muito obrigada por estarem aqui comigo novamente :D

 

Hoje resolvi contar como foi a saga para encontrar o meu vestido de noiva. É um assunto que sempre me pedem para contar, então lá vai! Preparem-se, pois a história é grande e começa em fevereiro de 2013...

 

Meu amor e eu ficamos noivos dia 14 de fevereiro de 2013, e como toda noiva, comecei a olhar vestidos e sonhar! Quem é noiva ou já foi, vai me entender... São horas e horas, madrugadas e madrugadas sempre olhando, namorando e suspirando! O vestido era o primeiro artigo que eu queria decidir, pois foi ao redor dele que montei todo o tom da decoração tanto da igreja, quanto da festa e honestamente, não sei como existem noivinhas que deixam para escolher seus vestidos de noiva faltando 3 ou 4 meses para o casamento, até me arrepia!!! Bem, mas voltando a nossa história...

 

Pensem numa pessoa louca, ansiosa e apressada em suas decisões: essa era eu em abril de 2013, quando comprei meu primeiro vestido de noiva pela internet. Sim, pela internet, pois as opções para nós, noivinhas brasileiras, são muito limitadas: ou você vende um rim para comprar um vestido de noiva em alguma loja física de qualidade (com preços de 8 mil para cima) ou você aluga. Pessoalmente, nunca gostei da ideia de alugar coisas, e só de pensar em várias noivas usando o mesmo vestido... Não, a ideia não me atrai... Além disso, como nosso casamento será em Portugal, alugar um vestido estava mesmo fora de cogitação... Eu precisava comprar meu vestido de noiva! Como gosto da ideia de ter dois rins e não queria vender um, resolvi optar pela opção mais óbvia e que tem sido a da maioria das noivinhas internautas: comprar meu vestido de noiva online da China.

 

E lá fomos minha mãe e eu, olhar por horas e horas a fio, os mais de mil modelos que estavam disponibilizados na época, no site Jjshouse.com... Eu já estava ansiosa para comprar meu vestido e me livrar da tortura... E foi aí que eu vi: o contador de dias da promoção do site!!! Sim, nesses sites como Jjshouse e Lightinthebox, têm esses malditos cronômetros com contagem regressiva de 2 a 3 dias e que só aumentam a nossa ansiedade e desespero: e eu não sabia que eles são permanentes... Acabou a promoção, o cronômetro começa a rodar novamente... Uma tática de venda online que te força a tomar uma decisão precipitada por acreditar que aquele preço ficará apenas por 3 dias... Mas enfim, escolhi, precipitadamente o vestido e fui pagar o boleto...

 

Aqui quero dizer que fiz tudo errado... Eu nunca tinha experimentado um vestido de noiva e não sabia a diferença entre cintura império, natural e baixa... Eu sabia que não queria um vestido apertado nos quadris (pois não gosto dos meus... todas nós temos nossas inseguranças corporais) e só isso... Além disso, queria aproveitar os preços que supostamente estavam na promoção, e nem me preocupei em questionar se aquele vestido que escolhera era mesmo o meu vestido dos sonhos... Mas, é errando que a gente aprende!

 

Seguiram-se 28 dias de pura agonia e ansiedade, pois quando fazemos compras internacionais demora mais ou menos 2 a 6 semanas para a alfândega liberar a encomenda no Brasil. Você recebe uma notificação de pagamento do imposto de importação e pode se dirigir ao correio onde está o seu vestido e retirá-lo. E foi exatamente isso que eu fiz no início de junho de 2013... é muito bom ver e vestir um vestido de noiva pela primeira vez. De qualquer forma o vestido veio super grande, dois números acima do que eu uso e ele nem parava em mim... Mas coube perfeitamente na minha irmã, acredita? É que ela não gosta de vestidos de tule, senão eu dava o vestido para ela... As primeiras impressões que tive do vestido foram ótimas: O cetim do forro era bom, o tule não era muito duro (mas também não era aquele super fininho, sabe?), e a renda na foto, engana bem... Sim, a grande decepção foi a renda, pois eles colocam a renda mais inferior que existe na face da terra. Esse foi um dos aspectos negativos, outros seriam a costura um pouco torta em alguns lugares do vestido, a renda também foi costurada torta numa parte da barra... Mas enfim, colocando na balança do custo benefício, e levando em consideração que muitas lojas de vestidos de noivas também compram desses sites e cobram absurdos... Achei que estivesse no lucro... Mas não estava... Resolvi mostrar para vocês fotos desse vestido que comprei da China pelo site Jjshouse... É este aqui:

 

007 - Cópia.JPG

 

 

close tronco.JPG

 

mydress.JPG

 

 

A verdade é que quando descobri que o vestido que eu havia encomendado na Jjshouse possuía cintura império e não dava mais tempo de cancelar o pedido, eu já não queria mais o vestido... Aí como ele veio super grande, resolvi que tentaria vendê-lo. E consegui.

 

Bem, depois dessa decepção resolvi pesquisar melhor vários fornecedores e já havia decidido: não compraria meu vestido de noiva da China, pois a qualidade da renda não me agradou. Deixe-me explicar melhor: eu queria um vestido de tule e renda e estes tecidos são os dois que eu menos recomendo que você compre nestes sites chineses, pois não são bons... Agora, se você procura algo mais simples, no chiffon ou cetim, eu até recomendo a compra nesses sites, pois os tecidos são um pouco melhores.

 

Imaginem o meu nível de stress... Estávamos em julho e eu ainda sem vestido... Quando eu já estava quase desistindo de ter um vestido maravilhoso e me conformando que teria que comprar da China novamente, conheci a Anne Thomas. E minha vida de noiva mudou completamente!

 

A Anne é residente nos EUA e comprava vestidos lá e vendia-os. E tudo online. Amei a proposta e resolvi arriscar. Na época em que comprei o meu, ela tinha apenas a referência de uma amiga que teve o vestido comprado nos EUA por ela e que ainda não tinha se casado, ou seja, não consegui ver fotos reais do vestido dessa moça, mas mesmo assim resolvi arriscar... Mas antes, fui numa loja de vestidos de noiva e provei algumas silhuetas para descobrir qual ficava melhor em mim... Queria acertar desta vez! Fiquei na dúvida entre dois vestidos, mostrei-os a minha mãe e irmã e a opinião delas me ajudou a decidir qual deles seria.

 

No final de agosto de 2013 recebi meu vestido em casa e foi amor à primeira prova! Perfeito, maravilhoso, cheio de detalhes singelos, não tem como descrever a felicidade que senti quando me vi com ele. E tem sido assim toda as vezes que o provo: abro um sorrisão e me sinto linda! 

 

Acabei por comprar dois vestidos com a Anne, um para a igreja e outro para a festa. Seguem algumas fotos deles:

 

1508156_987425761272650_7278850420406313675_n.jpg

 

 

1800470_987427681272458_2092467840250296390_n.jpg

 

 

bride1.jpg

 

bride2.jpg

 

 No mais, é mesmo isto por hoje,

Beijinhos,

Até breve!

 

 

 

4 comentários

Comentar post